O IGMA

Diante dos atuais desafios da gestão pública brasileira, a eficiência e a inovação são fundamentais para promover as melhorias necessárias na qualidade e condições de vida nos municípios brasileiros.


Nesse sentido, saber direcionar os recursos públicos disponíveis, priorizando as demandas mais urgentes de todos os cidadãos, é crucial para promover um ciclo virtuoso de desenvolvimento humano.


Pensando nisso, o Aquila, desenvolveu um índice que avalia a gestão e nível de desenvolvimento dos municípios brasileiros - o IGMA, Índice de Gestão Municipal AQUILA. Com a experiência dos nossos consultores que, durante mais de 7 anos, trabalharam em 90 cidades no exterior e 360 municípios brasileiros, identificando quais são os fatores que tornam uma cidade excelente para se viver.


Por meio dos 05 pilares estruturais, eficiência fiscal e transparência, educação, saúde e bem-estar, infraestrutura e mobilidade, desenvolvimento sócio econômico e ordem pública, que sustentam a condição de Cidade Excelente para se viver, é possível apontar qual a situação atual do município e classificá-lo como IGMA - excelente, desenvolvido, em desenvolvimento ou crítico, a partir desta análise, o gestor terá uma visão ampla da sua cidade, sendo possível rever inclusive a destinação da aplicação dos seus recursos públicos.


A eficiência fiscal e transparência são os pontos de partida para garantir a qualidade e sustentabilidade de aplicação dos recursos públicos, destinando-os para os demais pilares. De maneira que 40% dessas aplicações devem ser direcionadas constitucionalmente a educação e saúde e bem-estar. Os demais 60% são distribuídos em outras responsabilidades, sendo fundamental para promoção do desenvolvimento estrutural do município: infraestrutura e mobilidade urbana e desenvolvimento sócio econômico e ordem pública. Estes, por sua vez, promovem mais geração de renda, alimentando novamente o pilar inicial de eficiência fiscal, garantindo assim um ciclo virtuoso de desenvolvimento humano.



PILARES PRIMÁRIOS

OBJETIVOS ESTRUTURAIS

  • Orientar os gestores públicos acerca das prioridades;
  • Direcionar onde buscar boas práticas;
  • Promover uma melhoria estrutural do IDH do município;
  • Indicadores e metas alinhados com a estratégia do município;
  • Formação de gestores;
  • Priorização de projetos para melhoria de resultados;
  • Plano de implementação homologado pelo prefeito e seus secretários.

ENTRE EM CONTATO

* Preenchimento obrigatório